terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Chocolate “Bis”

Sábado passado, na feira de exposição, estávamos conversando eu, Priscila e Rodrigo, falando dos nossos momentos compulsivos (coisa pouca, só 18 horas por dia) quando o Rodrigo lembrou do fato de eu e ele dobrarmos o papel do chocolate "Bis", isto porque nós dois dobramos a mesma figura.
É meus amigos, as mentes loucas e compulsivas sofrem.
Imaginem a cena, lá estamos comendo aquele chocolate inocente, quando de repente irrompe em nós um desejo incontrolável e fixo naquele papelzinho azul.
Algo como um surto hipnótico, o papel na mão, a imagem dele sendo dobrado e a ansiedade de ver outros 19 bis na caixinha.
Daí, se com o primeiro papel dobramos um cavalo, então preciso do cavaleiro...
Como outro bis, dobra o cavaleiro.
Ainda falta...
Claro o dragão!
Come outro bis... Dobra o dragão. Ficou mais ou menos.
É melhor fazer outro.
Tudo bem... A caixinha tá cheia mesmo.
Agora o dragão ficou bacana.
Olha que dá pra melhorar a cena. Uma árvore aqui, outra ali.
Dobra-se uma casinha, um tourinho, mais uma ou duas pessoas.
Alguém vê e já pede uma figura...
Claro que pode... Ainda tem mais bis pra pegar o papel.
De repente a mão encontra a caixinha vazia... Desespero.
E agora... Não tem mais papel...
Vontade de desdobrar uma figura só pra dobrar de novo.
Ah isto não vale... O papel já foi usado.
.........................................
Olha só de lembrar já fico ansioso...
Melhor terminar este "post" logo... As lembranças são fortes... Não, não, não. Esquece isto.
Pensando bem...
Tiau gente... Vou dar uma saidinha...
Preocupa não...
Vou só comprar uma caixinha de "Bis"

Abraços (redobrados)

Alex.

Um comentário:

cássia disse...

É, meus amigos...
Ser DoCA é MARA!!! Amei os comentários e definições...
Eu tenho que dizer que sou também pois dobro até o vento...
Dobrar é muito bom!!!
Boas dobras à todos!!!
Cássia Cris...